Quarta-feira, 16 de Julho de 2008

...Três pontos e um de Exclamação!

 
foto de negateven
 
A vida é simples.
 
Nós é que a complicamos.
 
A forma como falas dos eur por vezes acredita, dá me mesmo vontade de rir.
Não no sentido de pensares que esteja a "gozar" contigo, mas sobretudo pela forma ingénua como me continuas a ver em relação a isso.
 
Já escrevi e disse já nem sei quantas vezes qual é a minha posição sobre o eur.
O dinheiro por experiência própria, ganha-se e perde-se, é a lei da vida, depende de vários factores, depende do caminho que escolhemos, do trilho que seguimos, das opções que fazemos, das escolhas.
 
Não me preocupa ter muito ou pouco eur, o que me preocupa, e nem é bem este o termo, é ter a serenidade suficiente para ir continuando a resolver os problemas e procurar ir escolhendo melhor o caminho, fazer melhor as opções, para que consiga ir arranjando soluções.
 
É isso que procuro fazer, umas vezes mais outras menos,  com altos e baixos.
Conseguindo vencer pequenas etapas, pequenos passos, como em tudo na vida.
 
Isso leva tempo e nem todos temos essa serenidade, gosto desta palavra.
Faltam sempre alguns passos e seguramente nunca saberemos se novos problemas possam surgir.
 
 
Mas nada se faz sem esforço e ás vezes não é fácil motivarmo-nos para todos os dias levantarmo-no e termos que enfrentar a realidade que não queríamos, que nao desejaríamos, mas com o tempo percebe-se que não existe outra solução que não seja lutar, trabalhar, procurar ultrapassar esse obstáculo.
 
Agora surgiu este, mais uma vez a serenidade faz-nos pensar, ajuda-nos a reflectir e aquilo que até pode ser complicado de resolver, pode ser que venha a ser a solução de muitas coisas, é preciso é fazer-se a melhor opção, escolher o caminho e a solução vai surgir.
 
Mas e volto a dizer, isto é o eur. Ganha-se e perde-se.
 
As pessoas só as temos uma vez.
Uma vez na vida.
As coisas nunca se repetem.
 
Espanha foi só uma vez.
A segunda, a terceira, a quarta, as vezes que quisermos já não vão ser iguais.
Porque ao contrário do eur, temos sentimentos e esses só os sentimos naqueles momentos.
São únicos, daquele instante, não são policopiáveis....!
 
Tu de caracóis e de blusão de ganga, com ar de menina na pizzaria, existiu naquele momento, não existe mais.
Eu carrancudo, de óculos e ar de velho, existiu naquele momento, não existe mais.
 
Tu de cara tapada, a cada tentativa de foto, existiu naquele momento, não existe mais.
Eu, insistente a procurar à força tirar fotos, existiu naquele momento, não existe mais.
 
Tu das despedidas, com uma lágrima num canto de cada olho, existiu naquele momento, não existe mais.
Eu, que afagava as mesmas e que as procurava esconder, como se elas não deixassem de correr, existiu naquele momento, não existe mais.
 
Tu na descoberta dos sentidos, de pequenos prazeres da vida, existiu naquele momento, não existe mais.
Eu, que sentia o teu toque, sem pudor, sem receios, sem inibições, existiu naquele momento, não existe mais.
 
Tu na foto do telemóvel, existiu naquele momento, não existe mais.
Eu, que ainda lá guardo as fotos todas, existiu naquele momento, não existe mais.
 
Tu que me recebias de braços abertos, existiu naquele momento, nao existe mais.
Eu, que não percebia muito bem tanta generosidade, existiu naquele momento, não existe mais.
 
A mudança é própria da descoberta.
Por isso é que a descoberta é sempre paixão.
 
A saudade também se sente.
É a saudade que se sente.
É a saudade que me magoa.
Não é a tua mudança. Nem a minha.
É a saudade da tua inocência.
 
Não é o eur que me pôe triste.
É a saudade da tua inocência.
É isso que às vezes não me ajuda a ter mais forças para lutar.
Não é o eur...!
É a saudade da tua inocência.
sinto-me: em baixo...
música: Pink Floyd, Money
sentido por utopiaxxi às 01:40
link da sensação | sente também | favorito

.Eu

.pesquisar sensações

 

.Julho 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Novas sensações

. ...Três pontos e um de Ex...

.Sensações anteriores

. Julho 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

.tags

. todas as tags

.Outras Sensações

.Relógio

.Contador

Free Web Counters
Free Counter
RSS